O Contador de Histórias

“E com muitas parábolas semelhantes lhes expunha a palavra,
conforme o permitia a capacidade dos ouvintes”. Marcos 4:33

Jesus era um grande pregador. Na verdade, foi o maior e o melhor de todos os tempos. Sem dúvida, o mais influente. Podem chamá-lo de filósofo, psicológo, professor, rabino, enfim. Mas o que ninguém pode negar, é que os ensinamentos dEle transformam vidas.

Cristo gostava de contar histórias. Através de parábolas, Ele ia ensinando as verdades divinas para o povo, através de figuras do cotidiano da população. Lavradores, trabalhadores, construtores, amigos, noivos, famílias e ovelhas, eram alguns dos personagens de Suas ilustrações.
Jesus nunca contava uma história para simples entretenimento dos ouvintes. Suas palavras sempres tinham a intenção de alimentar cada um espiritualmente. Mas nem todos entendiam Suas palavras. Os meros curiosos, apenas escutavam parábolas que não lhe faziam nenhum efeito. Já os verdadeiros interessados, permaneciam junto à Cristo, até receberem o significado da pregação.
Qual a sua parábola favorita? Hoje, ore para que o Espírito Santo faça que cada palavra do evangelho, seja como semente plantada no terreno fértil do seu coração.
Anúncios

O Carpinteiro de Nazaré

“Não é este o filho do carpinteiro?” Mateus 13:55

Jesus nasceu em um berço de palha, rodeado por animais. Esse simples fato, por mais inusitado que fosse não seria o suficiente para torná-lo alguém especial. Era descendente de reis, porém, extremamente pobre.

Ao crescer, passou a ajudar o seu pai na carpintaria, um ofício totalmente comum. Aos olhos do mundo, alguém completamente comum. Muitos se admiravam ao ver que aquele filho do carpinteiro podia curar cegos, surdos e aleijados.

Mesmo sendo Deus. Cristo se despiu de toda a Sua glória, se fez carne e habitou no meio de nós. E veio como homem, mas era o próprio Deus revestido de humanidade. Não se via beleza em sua face, mas se via amor em seu maravilhoso olhar.

Ele era manso e humilde de coração. Mesmo sendo o Filho de Deus, não se recusou em ser o Filho do Homem. Mesmo sendo o Rei dos Reis, veio para servir. As mãos que criaram o homem, foram feridas por sua própria criação. O Carpinteiro de Nazaré, foi pregado em uma cruz de madeira.

Quando o mundo te desprezar, não revide, mas seja “manso e humilde de coração”. Quando obter sucesso, não se exalte, mas dê glórias a Deus. Quando se sentir ferido, saiba que você tem um Amigo, que sabe o que é sofrer. Ponha seus fardos aos pés da cruz, que Cristo te dará a paz.